quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

Primeiro Aniversário do Lusografias




95 postagens depois, um ano depois, o Lusografias continua a reinventar-se. O mérito é de todos os que nele colaboram activamente, desde alunos a professores. Muito obrigado e parabéns a todos! Conto, ao longo desta semana, publicar alguns textos atrasados e o testemunho de alguns alunos sobre o blogue. Aceitam-se textos, sugestões e críticas.

4 comentários:

Ana Lucia Rebelo disse...

Ainda me lembro daquela manhã gélida e imponente de Inverno em que a professora Eunice nos disse que tinha uma ideia. Uma ideia que não passava disso mesmo. Uma ideia, dizia-nos ela com insegurança quanto à aceitação e contribuição por parte de alunos e professores, devido ao facto de ser uma iniciativa totalmente diferente do que já fora criado no Colégio. Essa ideia consistia na criação de um blogue em que fosse possível colocar trabalhos de alunos, notícias e informações relativas à disciplina de Língua Portuguesa, mas que pudessem abranger, também, uma diversidade de áreas e temáticas relacionadas com esta disciplina.
Pela aquela altura estávamos a abordar o Auto da Barca do Inferno, de Gil Vicente, mais especificamente a cena do Onzeneiro. Entre as inúmeras análises de personagens, estudo da linguagem e oficinas de escrita, a professora sugeriu que seria interessante colocar no blogue algumas das nossas caracterizações sobre cada uma das personagens, que, aliás, iriam ser os textos de estreia do blogue.
Consigo ainda ver e escutar tenuemente os sussurros e comentários, o burburinho que percorria a sala, a chuva que escorria lentamente pela janela e que nesse momento cessara a sua luta por alcançar o solo e parecia ter estagnado para escutar razão de tal exaltação, e as expressões faciais dos meus colegas que se alteravam repentinamente. Uns sorriam de satisfação, outros ficaram indiferentes, mas todos estávamos apreensivos e com interrogações sobre o modo do funcionamento do “Lusografias”. A professora não esclareceu a maioria delas porque nem ela sabia como iria funcionar, visto ser uma ideia totalmente nova e única.
Contudo, a aceitação foi imediata e unânime.

Umas semanas depois a professora forneceu-nos o endereço do blogue para que pudéssemos consultá-lo e comentá-lo, dar sugestões e acompanhar as informações que aí iam sendo colocadas. Desde aí acompanho quase semanalmente o blogue, que se apresenta sempre disponível com informações actualizadas, textos muito interessantes produzidos por alunos e professores, sugestões de leitura e sites que estão na coluna lateral, entre outros.

Agora que passou um ano, e um ano passa mesmo depressa, a evolução do blogue demonstra que o que era um desafio de grande responsabilidade se tornou num projecto educacional eficaz e brilhante.
Na minha opinião, está mais que provado que “Devagar se vai ao longe” e com esse provérbio admiro e congratulo o esforço, empenho e dedicação de todos os que contribuíram (uns mais, outros menos) para solidificação deste blogue.
Resta-me apagar convosco esta vela e desejar que venham mais pois o meu fôlego estará sempre pronto para soprar todas elas!
Continuem com o excelente trabalho!

Parabéns a todos, mas principalmente à professora Eunice Maia, que idealizou e se dedicou de corpo e alma a este blogue e pela qual tenho um carinho muito especial.

Um beijinho,
Ana Lúcia Rebelo

Isabel Maia disse...

Muitos Parabéns!!

Lina disse...

Os anos passam e o que marca fica e diz-nos que vale a pena continua, quando importante.Parabéns.

auxília disse...

Parabéns à professora Eunice pela iniciativa e pela coragem do desafio lançado (a alunos e professores)! Parabéns a todos quantos fizeram parte deste ano de vida! Certamente que não deixaremos esmorecer o entusiasmo de todos aqueles que contribuiram e contribuem para que o "Lusografia" continue vivo. O "Lusografias" faz parte do meu roteiro de viagem pelo mundo da blogosfera e partilho-o sempre que posso com amigos e "profissionais" da escrita e da leitura.
Um grande abraço para todos.